Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A' Cerca de Coimbra


Terça-feira, 08.12.20

Coimbra: EnCantada Coimbra. Coletânea de Poesia sobre Coimbra 2

Eugénio de Castro

 

Eugenio de castro.jpg

Acedido em: https://www.ebiografia.com/eugenio_de_castro/

Dominando o Mondego e seus salgueiros.JPGDominando o Mondego e seus salgueiros

 

PALÁCIOS CONFUSOS

Na minha doce Coimbra, a sul virado,

Dominando o Mondego e seus salgueiros,

Há um bairro de humildes pardieiros.

Que «Palácios Confusos» é chamado.

 

Tão belo nome evoca no passado

Rica chusma de paços altaneiros

Com torres, grimpas, varandins ligeiros

E flâmulas a arder no céu lavado.

 

O tempo voado, que tudo come,

De tais riquezas só poupou o nome;

Tudo ali hoje é pobre, velho e estreito,

 

Sem um vislumbre do esplendor extinto!

Ó «Palácios Confusos», também sinto

Uns «palácios confusos» no meu peito!

 

XXX

 

Luz Videira

(Nota: não foi possível encontrar uma fotografia da poetisa)

As portas e janelas trabalhadas.jpg

As portas e janelas trabalhadas

PALÁCIO DE SUB-RIPAS

Mino-lhe o porte nobre,

As portas e janelas trabalhadas,

Os relevos de fino lavor.

Vejo, porém, sem ver

Oiço um grito de dor

Ecoando no tempo.

Por inveja, ciúme

E sinistros interesses

Maria Teles acaba de morrer.

 

Encantada Coimbra. Colectânea de Poesia sobre Coimbra. Organização e Nota Prévia de Adosinda Providência Torgal, Madalena Torgal Ferreira. 2003. Lisboa, Publicações Dom Quixote. Pg. 79, 84.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Rodrigues Costa às 17:32


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Setembro 2021

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930