Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A' Cerca de Coimbra


Quarta-feira, 06.01.16

Coimbra e a evolução do seu território

O termo do primitivo concelho de Coimbra, abrangendo um vasto território, foi-se restringindo à medida que novas jurisdições independentes cercearam a sua. No último quartel do século XIV as muralhas citadinas eram ainda o centro de uma área tão extensa quanto as pessoas e mantimentos das regiões planas e não fortificadas aí encontravam refúgio em tempo de mister. Populações do termo e de fora dele, quando da invasão de Henrique II e em alguns apertos no tempo do Mestre, aqui se acolheram.

O município coimbrão, para obras de defesa, tinha autoridade sobre a vasta zona que protegia. Mas o limite geográfico da sua jurisdição específica situava-se aquém desta área, na extremidade de umas dez ou doze léguas já nos meados do século XIV… O alfoz desta cidade, em 1371, perde Ançã com seu “termo e terrentoreo” … Cantanhede, termo da cidade do Mondego, fica nas mãos do conde D. Álvaro Pires de Castro … o Rei de Boa Memória havia subtraído à jurisdição desta cidade Tentúgal (1417), Pereira, (1420) Anobra (1420), Cernache (1417) e Condeixa (1420) … Mira em 1448.

No livro de Vereações de 1533 ficou transcrita, por ordem alfabética, uma lista dos concelhos … Segundo este registo, o termo coimbrão estava dividido em pelo menos noventa e nove concelhos, localizando-se quarenta e cinco a Norte do Mondego. Tinha por limites extremos, ao norte Levira e Paredes do Bairro. Ao sul, Almoster

Oliveira, A. 1971. A Vida Económica e Social de Coimbra de 1537 a 1640. Primeira Parte. Volume I. Coimbra, Universidade de Coimbra, pg. 19 a 26, 30

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Rodrigues Costa às 10:52


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Setembro 2019

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930