Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A' Cerca de Coimbra


Segunda-feira, 28.03.16

Coimbra, abastecimento de carne no século XVII

Os açougues podiam ter de acordo com as carências de carne e possibilidades dos marchantes, um ou mais carniceiros contratos por tempo variável … eram obrigados, de modo geral, a cortar semanalmente uma quantidade mínima de carne.

 

… Os marchantes de vaca da Universidade … talhavam regra geral, às terças e sábados … Nos dias da semana em que os açougues da Universidade estavam abertos havia … carne de vaca. Os mesmos … poderiam comprometer-se a talhar também carneiro … e carne de porco, no tempo dela, havendo porcos de lande.

 

… Os açougues abriam de manhã cedo e encerravam à tarde, duas ou três horas depois do meio-dia.

 

…O consumo mensal nos quatro açougues pode comparar-se, por exemplo no mês de Maio (de 1624). O açougue camarário vendeu pelo menos 540,6 arrobas, o dos mesteres 302,5, a Inquisição 240,3 e a Universidade 349,7. Um total, portanto, de cerca de 21 toneladas e meia de carne resultantes do abatimento de 200 reses

 

Oliveira, A. 1971. A Vida Económica e Social de Coimbra de 1537 a 1640. Primeira Parte. Volume II. Coimbra, Universidade de Coimbra, pg. 223 a 225, 233

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Rodrigues Costa às 11:13


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Outubro 2019

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031