Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A' Cerca de Coimbra



Sexta-feira, 10.06.22

Conversas Abertas, 6.ª feira, 18h00, 24 de Junho

No próximo dia 24, última sexta-feira do corrente mês de junho, as 18h00, realiza-se na sala D. João III, do Arquivo da Universidade de Coimbra, a sexta e última Conversa Aberta do ano em curso.

Conversas abertas cartaz de 2022.06.24.png

A Iniciativa do blogue “A’Cerca de Coimbra” que conta com o apoio do Arquivo da Universidade de Coimbra e do Clube de Comunicação Social, tem vindo a decorrer na Sala D. João III do Arquivo da Universidade de Coimbra com entrada livre, até ao limite da lotação e decorrerá no formato habitual, ou seja, intervenção inicial da Palestrante, seguida de um período aberto à participação dos assistentes.

Será palestrante a Senhora Dr.ª Ana Maria Bandeira, técnica superior de Arquivo no Arquivo da Universidade de Coimbra (AUC), desde 1983.

Ana Maria 01.jpg

Ali tem desenvolvido trabalhos no âmbito do tratamento de acervos documentais, nomeadamente: Colégios da Companhia de Jesus, Mitra Episcopal de Coimbra, Julgados de Paz de Coimbra, Conservatória Britânica de Coimbra, Hospital Real de Coimbra, Hospital de São Lázaro, Universidade de Coimbra, Pontifício e Real Colégio de São Pedro, etc.

Tem tido a seu cargo a elaboração de exposições temáticas e respetivos catálogos, com mais de 30 exposições, entre as quais se destaca, pelo ineditismo, Papéis como Arte e Arte em Papel (2020). Colaborou também em exposições, patentes fora do AUC, com seleção de documentos e elaboração de textos para catálogo, nomeadamente: A Universidade de Coimbra e o Brasil (2012), Do Sul ao Sol: a Universidade de Coimbra e a China (2013) e BiblioAlimentaria (2018).

Dedica-se, ainda, à pesquisa da história do fabrico do papel e das marcas de água, com publicação de diversos trabalhos. Foi coordenadora, entre 1991 e 1994, do Inventário do Património Cultural Móvel: Bens Arquivístico no distrito de Coimbra.

O tema a tratar «Livreiros franceses em Coimbra: contributos para uma biografia dos irmãos Orcel» pretende traçar uma biografia dos irmãos Orcel que, à semelhança de outros livreiros franceses, como os Aillaud, Borel, Semiond, Bertrand, mantiveram negócios com a Universidade de Coimbra. Jacques Antoine Orcel faleceu em Coimbra, em 1854 e sucedeu-lhe, na casa comercial livreira que ambos possuíam, na Rua das Fangas (hoje Rua Fernandes Tomás) seu irmão Joseph August Orcel.

Imagem 2.png

Timbre de papel utilizado por J. August Orcel, em 1851.

Sabe-se que estavam em Coimbra, pelo menos desde 1799. J. August Orcel diversificou a atividade livreira, tendo sido também editor e fornecedor de equipamento para a Universidade. Cite-se, a título de exemplo, o Daguerreótipo fornecido ao Gabinete de Física, em 1842.

É para esta Conversa Aberta que quantos amam Coimbra e a sua história são convidados a participar.

Rodrigues Costa (responsável pelo blogue A’Cerca de Coimbra).

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Rodrigues Costa às 09:56



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Junho 2022

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930